07 dezembro, 2006

O Circulo perfeito

Há algum tempo atrás, reuniram-se uma meia dúzia de blogers por iniciativa da fantástica TB. Estranho conhecer as verdadeiras caras e personalidades de gente que só exista num espaço virtual e de imaginação. Eu, que acreditava que esta distancia criada pelo computador e pelo desconhecido era algo que nos permitia ser mais livres e honestos, em relação ao “trabalho” que aqui fazemos, acabei conquistado por aqueles momentos e por aquela gente. Foi como o fechar de um “círculo” que assim se tornou uma forma perfeita e sobretudo mais una. Essa gente passou a estar, não do outro lado de um fio, mas a existir logo aqui na ponta dos meus dedos que carregam nestas teclas. Gostava de ter com as palavras a proximidade, o engenho e arte que outros mostram para melhor explicar esta sensação, mas como não tenho vou directo à razão porque comecei a escrever isto. Embora nesse dia mágico, estranhamente não tenham sido os blogs o principal assunto das conversas, a verdade é que tenho notado um maior empenho e qualidade nos blogs de todos as que ai estiveram presentes. Como se uma nova energia tenha surgido não se sabe de onde e tudo isto tenha ganho um novo sentido. Afinal o que quero realmente fazer com este post é agradecer, em primeiro lugar à TB, principal culpada de tudo e a todos os outros por terem tornado possível esta magia (ou química para os mais agarrados à ciência). Que o circulo nunca se quebre.

16 comentários:

Outsider disse...

Olá Kaos! Foram de facto momentos fantásticos que passamos juntos. O facto conhecermos cara a cara estas magnificas pessoas deu-nos um grande incentivo para fazermos mais e melhor (não que o meu blog tenha melhorado muito...). ;)
Gostava de facto de tere jeito para a escrita para poder descrever o bem que me senti, mas como não tenho deixo isso para os outros amigos do círculo. Apenas vos digo a todos muito obrigado! Foi um verdadeiro prazer conhecer-vos. Claro que não posso deixar de dar um agradecimento especial à tb, aquela pessoa bondosa, carinhosa e alegre que proporcionou tudo isto.
Que o círculo nunca se quebre.
Um grande Abraço a todos.

tb disse...

Olá Kaos!
Fico até sem jeito nem palavras.
Ser a culpada de uma tão grande alegria só me deixa um caminho: voltar a pecar! ahahahahah

E a escuridão se fez luz,e a dúvida se fez certeza, e a apreensão se fez sorriso que se juntou aos raios do sol que caindo lentamente banhou todo o círculo, juntos num só momento... perpétuo!

Beijinhos

Anónimo disse...

Que delicia de blog,
adoro visita-lo continue assim tão criativo para nosso prazer de le-lo . Parabens

Kaos disse...

Outsider:
Penso que já disseste tudo.
abraço e obrigado

Kaos disse...

tb:
Podes pecar que nós agradecemos, e continuar a fazer esses teu poemas tão claros e tão perfeitos.
Obrigado por mais este.
Bjs

Kaos disse...

anónimo:
Agradeço as tuas palavras e tenho todo o prazer em te receber aqui neste pequeno espaço para notas pessoais. Se desejares o meu blog principal fica já aqui ao lado no http://WeHaveKaosInTheGarden.blogspot.com
um abraço

aminhapele disse...

Tem sido óptimo repousar no jardim do kaos.
Um abraço

Kaos disse...

aminhapele:
Obrigado, repousa sempre que o desejares embora muitas vezes o kaos reine por ai.
abraço

Rui Martins disse...

Ditto!
É exactamente esse o meu sentimento, Kaos, e a minha dívidade de gratidão para com a Tb dado que permitiu que o fecho do Círculo acontecesse sob o seu patrocínio!

Alien David Sousa disse...

Pois,obrigada pelo convite AMIGO!!!!! :|
Saudações alienígenas

Kaos disse...

Rui:
Amanha ela vai passar cá por Alcacer. Já estou em vantagem em relação a voces.
abraço

Kaos disse...

alien:
Foi um encontro dos leitores do livro do Sá Morais e eram todos humanos
bjs

sa morais disse...

Foi de facto um dia espectacular, que espero seja o primeiro de muitos. O dia em que os blogs ganharam rostos e se humanizaram estes recantos electrónicos. Fico a pensar na próxima reunião!

Tu e a TB já se vão juntando por aí... Uh! Inveja! :)

Abraços!

Kaos disse...

Sá Morais:
É verdade, vantagens da proximidade. Coimo tenho um irmão a viver ai para o Norte um dia destes ainda passo por ai.
abraço

xatoo disse...

onde é que se come bem em Alcácer?

Anónimo disse...

É com um sorriso nos lábios que leio as tuas palavras! Concordo com o que disseste, graças a este mundo virtual pude conhecer pessoas fantásticas, que de outra maneira seria quase impensável.

Cumps!